banner multi
Capa Memória Colunistas Cronicando Os novos ministros de Dilma
Os novos ministros de Dilma Imprimir
Escrito por Gabriel Guidotti   
Terça, 10 de Fevereiro de 2015 - 20:59

dilma51 1024x576Especula-se que a lista de políticos corruptos da Petrobras seja grande. Tendo isso em vista, Dilma se sentiu acanhada em indicar os novos ministros de seu governo – numa reforma que busca evitar erros cometidos no primeiro mandato. A indicação de nomes envolvidos na operação Lava-Jato, da Polícia Federal, poderia afetar ainda mais a visão que a opinião pública tem da atual presidente: será ela realmente capaz de formar equipes competentes para comandar o Brasil?

O Ministério Público foi implacável com a petista. Não revelou a grade de indiciáveis. O Planalto, portanto, joga no escuro, apostando na índole dos novos indicados. Uma grande pesquisa deve ter sido feita, entretanto, pois o PT perdeu sua margem de erro. Os mais graves casos de corrupção da história do país aconteceram sob gestões da sigla. Um passo em falso e as eleições de 2018 podem virar uma despedida.

Na última terça-feira (23), Dilma indicou 13 novos ministros. Na opinião de especialistas, o governo abandonará o tom de “paz e amor” e colocará em prática uma política de solidez, a fim de resguardar a credibilidade que lhe resta. Destaque-se a nomeação do atual governador do Ceará, Cid Gomes (Pros), irmão do ex-presidenciável Ciro Gomes. O novo ministro da Educação comandou a campanha de Lula em 2006. Seus principais desafios serão aprimorar os projetos de acesso ao ensino de base, além qualificar critérios de avaliação em escolas e universidades.

Também comporá o primeiro escalão o ex-prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (PSD). Ele assume o Ministério das Cidades. Em um período onde centenas de municípios declaram situação de emergência, pelos mais diversos motivos, caberá ao democrata criar iniciativas que visem qualidade da habitação, bem como a segurança de pessoas que morem em zonas de risco. Na pauta, os velhos problemas de saneamento e transporte, passando pela mobilidade urbana e soluções inovadoras para o trânsito, que está entrando em estágio caótico em todo o Brasil.

Nesse momento, é difícil fazer previsões sobre como os novos ministros resolverão algumas das principais querelas do país. Contudo, o apoio dado pelo eleitor nas urnas é uma mostra de confiança no governo do PT. Assim, a cúpula ministerial ganhará respaldo para desenvolver seus projetos. Só resta dizer, portanto: muita sorte e trabalho, pois as pessoas andam desiludidas com a administração pública. É a hora de virar o jogo em favor do povo. Já passou da hora, aliás.

Visite também o blog do aluno: http://gabrielguidotti.wordpress.com/

 


Notícias relacionadas


Expediente

Mapa do Site :: Portal Universo IPA - 1º lugar na Intercom Nacional de 2008 :: Expediente
Creative Commons © 2005-2013 :: AJor - Agência Experimental de Jornalismo IPA