banner multi
Capa Memória Coberturas Especiais Diploma de Jornalismo Aulão pelo Diploma no Auditório da Biblioteca Central do IPA
Aulão pelo Diploma no Auditório da Biblioteca Central do IPA Imprimir
Escrito por Carlos Ismael Moreira   
Quinta, 17 de Setembro de 2009 - 15:20

20090918_aulaoMostrar que a luta pela regulamentação da profissão continua forte e conscientizar os estudantes da importância da participação de todos. É com esse objetivo que o curso de Jornalismo do Centro Universitário Metodista, do IPA, em parceria com o Núcleo de Estudantes de Jornalismo do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Rio Grande do Sul, promove na sexta-feira (18/09) o Aulão pelo Diploma. O encontro acontece às 19h30, no auditório da Biblioteca Central Guilherme Mylius, na Unidade Central (Rua Cel. Joaquim Pedro Salgado, nº 80).

O evento terá como palestrantes o jornalista e juiz de direito aposentado Jorge Adelar Finatto (diretor cultural da Ajuris entre 1999 e 2008), e os jornalistas Antônio Oliveira, ex-presidente do Sindicato dos Jornalistas do RS e atual assessor de imprensa da Trensurb, e Léo Nuñez, segundo secretário do Sindicato e professor do Centro Universitário. Também estará presente a coordenadora do curso de Jornalismo, professora Mariceia Benetti. O Aulão pelo Diploma é aberto a todos os estudantes de Comunicação do Estado e tem entrada franca.

Finatto, que atualmente escreve para o site Judiciário e Sociedade (clique aqui), irá comentar a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) pela não obrigatoriedade do diploma e os possíveis caminhos para retomar a regulamentação da profissão. Atualmente, duas Propostas de Emenda à Constituição (PEC) buscam reverter a situação: uma na Câmara de Deputados, protocolada pelo deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS), e outra no Senado, de autoria do senador Antônio Carlos Valadares (PSB-SE).

Antônio Oliveira fará um relato sobre sua experiência profissional e a importância da regulamentação para a categoria. O jornalista já atuou em veículos como os jornais Zero Hora e Correio Braziliense (Brasília), e na Rádio e TV Gaúcha. Além disso, prestou assessoria de comunicação a órgãos dos governos federal e do RS. Foi também vice-presidente da Cooperativa dos Jornalistas de Porto Alegre (Coojornal) e conselheiro da Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ). De 1984 a 1989, a serviço do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e do Ministério da Informação da República Popular de Moçambique, participou da implantação do Gabinete de Comunicação Social (hoje Instituto de Comunicação Social) daquele país. Posteriormente, realizou o mesmo trabalho na Guiné-Bissau durante seis meses.

Léo Nuñez vai trazer o panorama atual das ações do Sindicato dos Jornalistas do RS e da FENAJ na luta pela obrigatoriedade do diploma.

O encontro tem também o objetivo de convidar os alunos de Comunicação a se juntarem a manifestação do Dia Nacional do Diploma – mobilização de estudantes que vai promover diversos atos de protesto por todo o país no dia 23 de setembro. A ideia surgiu durante o Encontro Nacional de Estudantes de Comunicação (Enecom), ocorrido em julho na Universidade Federal do Ceará. Por enquanto, também aderiram à mobilização faculdades dos estados de Bahia, Ceará, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais e Santa Catarina.

Em Porto Alegre, a manifestação será às 12h, na Esquina Democrática (Rua dos Andradas com Borges de Medeiros), ponto conhecido por receber diversos atos de protesto na Capital. Até o dia 23/09, além do Aulão pelo Diploma, o Núcleo de Estudantes de Jornalismo do sindicato vai promover uma série de pré-atos em parceria com instituições de ensino superior do Estado. No dia 22/09, às 10h, ocorre uma audiência pública para debater o tema, no auditório da Faculdade dos Meios de Comunicação Social da Pontifícia Universidade Católica do RS (Famecos/PUC).

 


Notícias relacionadas


Expediente

Mapa do Site :: Portal Universo IPA - 1º lugar na Intercom Nacional de 2008 :: Expediente
Creative Commons © 2005-2013 :: AJor - Agência Experimental de Jornalismo IPA