banner multi
Capa Memória Esportes Em casa, a melhor campanha
Em casa, a melhor campanha Imprimir
Escrito por Rodrigo Figueiró   
Segunda, 17 de Agosto de 2009 - 14:28

gremio1708

Nesse domingo (16/08) ensolarado e de muito calor, o Grêmio mais uma vez venceu e sobe um pouco mais na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. Ao jogar no Olímpico, o time bateu o Flamengo por 4 x 1 e tem a melhor campanha de todos os times, na primeira fase deste ano. A última derrota do time, jogando no Olímpico, foi contra o Goiás no Brasileirão do ano passado. Já são 30 jogos sem perder no seu domínio.

Quem viu o placar, mas não assistiu o jogo, pensa que foi uma das partidas mais fáceis que o Grêmio já enfrentou, porém é aí que se engana. O Flamengo criou inúmeras oportunidades de ampliar o marcador, com Adriano, Everton, Willians, mas a bola caia sempre nas mãos do goleiro Victor, o herói da partida. “Sem duvida foi o meu melhor jogo aqui no Grêmio”, destacou Victor.

Pouco mais de 19 mil pessoas assistiram à partida que, além de ter um goleiro como o destaque, também teve de curioso o forte calor, de quase 35 graus, em pleno inverno gaúcho. No primeiro tempo, o Grêmio dominou a partida, até fazer o primeiro gol com Perea, interceptando de cabeça um cruzamento de Jadílson, logo aos 15 minutos de jogo. A partir daí, o tricolor deu uma recuada e passou a sofrer ataques consecutivos por parte do Flamengo. Aos 26 minutos, Adriano deu um passe perfeito para Everton entrar cara a cara com Victor e empatar o jogo. Depois do gol, o Flamengo foi melhor e se não fosse o goleiro gremista impedir, no mínimo três grandes chances de gol, o placar certamente seria uma goleada para os cariocas. “Demos espaços para o flamengo criar algumas oportunidades, mas felizmente eu consegui participar bem e ajudar o Grêmio a segurar o resultado”, disse Victor.

Na etapa complementar, o Grêmio jogou melhor e conseguiu ampliar o placar, principalmente devido às alterações feitas pelo o treinador Paulo Autuori, que tirou o lateral esquerdo Jadílson, sem boa atuação, e colocou o jovem Bruno Colaço. Também sacou o garoto Douglas Costa e colocou Joílson em seu lugar. Logo aos 12 minutos, o zagueiro que na partida atuava como volante, Réver, achou espaço no campo de defesa do Flamengo e disparou rumo à área do goleiro Bruno. Soltou um forte chute, e ampliou o marcador. Depois desse lance, o Flamengo ainda criou algumas chances, mas parou sempre nas mãos do arqueiro tricolor. Já com 35 minutos finais, o colombiano Perea foi derrubado na área e o juiz marcou pênalti. Jonas bateu e converteu. Nos acréscimos, foi a vez de Joílson sofrer um pênalti e novamente Jonas cobrou e marcou, decretando a goleada em cima dos cariocas, por 4 x 1. “Mais uma vez o grupo mostrou dignidade acima de tudo. É um grupo que tem que ser pouco a pouco desenvolvido e ir ganhando maturidade”, afirmou o técnico Paulo Autuori.

Agora o Grêmio jogará fora de casa quarta-feira, na Vila Belmiro, contra o Santos. O tricolor terá que enfrentar um de seus maiores desafios no campeonato, o de vencer fora do Olímpico, que até agora não aconteceu no Brasileirão 2009.

Polícia utiliza máscaras contra a gripe A

Assim como já foi na partida do Inter, na segunda-feira passada, todos os policiais da Brigada Militar e a maioria dos seguranças contratados para trabalhar na partida utilizou a máscara que protege contra o vírus da gripe A (H1N1) e é uma das formas de diminuir o contágio, já que uma das recomendações é evitar aglomerações. O Rio Grande do Sul já contabiliza 70 óbitos pela gripe A (H1N1), segundo dados da secretaria da Saúde.

galeria

 


Notícias relacionadas


Expediente

Mapa do Site :: Portal Universo IPA - 1º lugar na Intercom Nacional de 2008 :: Expediente
Creative Commons © 2005-2013 :: AJor - Agência Experimental de Jornalismo IPA